Espécie

Papilio machaon (Linnaeus, 1758)

Nome Comum

Borboleta Cauda-de-Andorinha

  • Papilio machaon
  • Papilio machaon

Características

Fundo amarelo, com nervuras e bandas negras na asa anterior e azuis na asa posterior, terminando em cauda pontiaguda. Na asa posterior possui um ocelo alaranjado. Fêmea de maiores dimensões. Envergadura:60-80mm


Ecologia

Alimenta-se de umbelíferas selvagens ou cultivadas, especialmente arruda (Ruta chalepensis) e funcho (Foeniculum vulgare). A crisálida é verde ou castanha e hiberna. Vive em pradarias, encostas floridas, terrenos incultos e jardins, onde é frequente encontrar as lagartas no Outono. O adulto vê-se de Fevereiro a Dezembro até aos 1200m de altitude.


Fenologia

Não Aplicável (NA)


Estado de Conservação

Não Aplicável (NA)


Distribuição Geral

Norte de África, Europa e Ásia. Em Portugal encontra-se em todo o território nacional.

Distribuição Geográfica

Espécie registada no Algarve, mas sem dados de distribuição publicados/conhecidos

Referências

Maravalhas E., 2003 – As Borboletas de Portugal
Tolman T., 2009 -Collins Butterfly Guide.