Espécie

Asparagus acutifolius (L.)

  • Asparagus acutifolius

Descrição

Pequeno arbusto (até 2 m) perene e de aspecto compacto, fortemente espinhoso, semelhante aos tojos. Caules ramificados, lenhosos. cobertos por espinhos (cladódios) – folhas transformadas como medida de adaptação a situações repetidas de secura, todos do mesmo tamanho e relativamente finos, relativamente finos, geralmente agrupados em fascículos com até 20 espinhos em cada fascículo. Espécie dioica ou seja, as plantas são masculinas ou femininas pois cada individuo gera flores de um único sexo. Os jovens rebentos de origem subterrânea (turiões) são inicialmente moles, depois vigorosos mas flexíveis e alongados à medida que vão crescendo. Flores pequenas e de cor amarelo-esverdeado, em grupos de 3 a 6 das axilas dos filódios, no topo de um pedicelo curto cuja base está rodeada de brácteas. Os frutos, dentro do qual se encontram de 1 a 3 sementes, são bagas de estrutura esférica, pequenas e duras, inicialmente verdes e depois negras, na maturação.


Ecologia

Matos e matagais xerofílicos, sebes. Também sob coberto de pinhais, bosques e montados. Indiferente edáfica. Terrenos incultos


Habitat

Matos


Tipo Fisionómico

Nanofanerófito


Época Floração

Março-Julho


Estatuto de Protecção

N


Sinonímias

Geral: S Europa, W Ásia e N África


Distribuição Geral

Geral: S Europa, W Ásia e N África


Observações

Planta Aromática e Medicinal (raiz comestível)

Distribuição Geográfica