Espécie

Calandrella rufescens (Vieillot, 1820)

Nome Comum

Calhandrinha-das-marismas

Sem imagem

Características

Espécie com aproximadamente 14 cm de comprimento. É mais cinzenta do que a calhandrinha e possui fortes estrias no peito e nos flancos. Ao contrário da calhandrinha, não possui a mancha preta no peito, nem a barra preta nas coberturas alares. As listas superciliar e ocular são pouco nítidas.


Ecologia

Frequenta sapais secos com vegetação herbácea e arbustiva com uma cobertura de arbustos entre 10 e 60%. Habitat ideal com cobertura arbustiva próxima dos 30% e uma altura inferior a 50 cm. A sua época de criação deverá ter início ainda no mês de Abril, podendo o seu canto ser ouvido entre finais de Março e meados de Junho. Na Europa, pode criar 2 ninhadas por ano, compreendendo as posturas 3 a 6 ovos, cada. O período de incubação dura 13 dias. A sua dieta é composta por insectos e sementes.


Fenologia

Residente (Res)


Estado de Conservação

Criticamente em Perigo (CR)


Distribuição Geral

Distribui-se de forma alargada nas regiões secas e semi-desérticas do Paleárctico, desde o Arquipélago Canárias, a oeste, até à Manchúria, a leste. Em Portugal, ocorre exclusivamente numa área muito restrita (inferior a 14 km2) maioritariamente localizada na Reserva Natural do Sapal de Castro Marim e Vila Real de Santo António.

Distribuição Geográfica

Referências

Cabral, M.J.(coord.), Almeida, J., Almeida, P.R., Dellinger, T., Ferrand de Almeida, N.,Oliveira, M.E., Palmeirim, J.M., Queiroz, A.I., Rogado, L. & Santos‐Reis, M. 2005.Livro vermelho dos vertebrados de Portugal. 2ª ed. Instituto da Conservaçãoda Natureza/ Assírio & Alvim. Lisboa. 660 pp.

Catry, P., Costa, H., Elias, G., Matias, R., (2010). Aves de Portugal. Ornitologia de território continental. Assírio & Alvim, Lisboa.

Costa, H., Juana, E., & Varela, J. (2011). Aves de Portugal incluindo os arquipélagos dos Açores, da Madeira e das Selvagens.

Gooders, J. (1994). Guia de campo das aves de Portugal e da Europa. Círculo de Leitores.

Assírio & Alvim (2008)- Atlas das aves nidificantes em Portugal.

Turismo do Algarve (2012). Guia de observação de aves no algarve.

http://www.iucnredlist.org/

http://avesdeportugal.info/