Espécie

Sus scrofa (Linnaeus, 1758)

Nome Comum

Javali

Sem imagem

Características

Esta espécie tem de comprimento cabeça-corpo 100 a 146 cm nas fêmeas e 105 a 167 cm, nos machos. Tem um aspecto semelhante ao porco, corpo robusto, cabeça grande, membros curtos e fortes. A pelagem é escura e hirsuta e as defesas (caninos superiores) são projectados para cima, nos machos. No Verão, apresentam pêlos de protecção (cerdas) ainda relativamente compridos e densos, no Inverno, a pelagem é densa, com pêlos mais compridos e subpêlo rijo e espesso.


Ecologia

Espécie essencialmente crepuscular e nocturna. A época de acasalamento decorre de Setembro a Março, nascendo as crias, após 115 de gestação, entre Fevereiro e Junho. Têm cerca de 3 a 10 crias por ninhada e uma ninhada por ano. Atingem a maturidade sexual com 1 ano de idade. As fêmeas têm 10 glândulas mamárias. É uma espécie omnívora mas são preferencialmente herbívoros (bolotas, bolbos, castanhas, plantas verdes, batatas). O domínio vital das fêmeas (em grupos) é de 200 a 2000 ha e dos machos, de 2000 ha. Habita bosques de folha caduca e mista da Europa. Abunda em terrenos cultivados se tiverem acesso a bons abrigos. Abriga-se em cavidades pouco profundas, podendo estas estar expostas ao sol ou no interior de uma camada de folhas secas e de pequenos paus com 1 m de altura. A longevidade máxima em liberdade é de 8 a 10 anos.


Fenologia

Residente (Res)


Estado de Conservação

Pouco Preocupante (LC)


Distribuição Geral

Distribui-se por toda a Europa, Norte de África e Ásia.

Distribuição Geográfica

Referências

Cabral, M.J.(coord.), Almeida, J., Almeida, P.R., Dellinger, T., Ferrand de Almeida, N.,Oliveira, M.E., Palmeirim, J.M., Queiroz, A.I., Rogado, L. & Santos‐Reis, M. 2005.Livro vermelho dos vertebrados de Portugal. 2ª ed. Instituto da Conservaçãoda Natureza/ Assírio & Alvim. Lisboa. 660 pp.

Macdonald, D. & Barret, P. (1993). Mamíferos de Portugal e Europa – Guia Fapas.

Amaro, F. (2000). Pequenos mamíferos associados aos Sítios Classificados da Rocha da Pena e Fonte Benémola.

Rias (2010-2012). Dados de entrada de animais no Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens. Quinta de Marim.

www.naturdata.com

http://www.iucnredlist.org/