Espécie

Galerida cristata (Linnaeus, 1758)

Nome Comum

Cotovia-de-poupa, Cuquilhada, Gagalhosa, Poupinha

Sem imagem

Características

Ave com aproximadamente 18 cm de comprimento. Tem a parte superior castanha e castanho-amarelada e a parte inferior clara com malhas extensas no peito. A cauda é curta com penas exteriores arruivadas. O bico é comprido e encurvado. A parte inferior da asas é arruivada. Tem uma característica poupa e ausência de branco quando voa. Os juvenis têm a poupa reduzida e marcas brancas na coroa e dorso.


Ecologia

Frequenta sobretudo zonas abertas, como pousios, incultos, dunas, bermas de estrada, culturas arvenses e, por vezes, zonas agrícolas em mosaico. A época de reprodução vai de Março a Junho, criando, segundo estudos europeus, 2 a 3 ninhadas por ano. Estas são compostas por 3 a 5 ovos após um período de incubação de 11 a 13 dias. A sua dieta é feita à base de sementes e folhas, consumindo em menor quantidade alguns invertebrados, sobretudo pequenos escaravelhos.


Fenologia

Residente (Res)


Estado de Conservação

Pouco Preocupante (LC)


Distribuição Geral

Distribui-se pela Europa, África e Ásia. Em Portugal, distribui-se de norte a sul do país, sendo mais frequente no sul. No Algarve é relativamente comum ao longo da costa e pode ser vista, por exemplo, na ria de Alvor, no estuário do Arade, na lagoa dos Salgados e na Quinta do Lago. Também se observam cotovias-de-poupa na reserva de Castro Marim, no Baixo Guadiana, em Sagres e na ilha da Barreta (ria Formosa).

Distribuição Geográfica

Referências

Cabral, M.J.(coord.), Almeida, J., Almeida, P.R., Dellinger, T., Ferrand de Almeida, N.,Oliveira, M.E., Palmeirim, J.M., Queiroz, A.I., Rogado, L. & Santos‐Reis, M. 2005.Livro vermelho dos vertebrados de Portugal. 2ª ed. Instituto da Conservaçãoda Natureza/ Assírio & Alvim. Lisboa. 660 pp.

Catry, P., Costa, H., Elias, G., Matias, R., (2010). Aves de Portugal. Ornitologia de território continental. Assírio & Alvim, Lisboa.

Costa, H., Juana, E., & Varela, J. (2011). Aves de Portugal incluindo os arquipélagos dos Açores, da Madeira e das Selvagens.

Gooders, J. (1994). Guia de campo das aves de Portugal e da Europa. Círculo de Leitores.

Assírio & Alvim (2008)- Atlas das aves nidificantes em Portugal.

Turismo do Algarve (2012). Guia de observação de aves no algarve.

http://www.iucnredlist.org/

http://avesdeportugal.info/