Espécie

Erica arborea (L.)

  • Erica arborea
  • Erica arborea

Descrição

Arbusto, que pode atingir entre 1 a 4 m de altura, ramos floríferos curtos e densos. Caules cobertos de tomentos (pêlos moles) geralmente lanosos. Folhas dispostas em verticilos de 3 a 4, lineares, erecto-patentes, com as margens recurvadas para a página inferior. Flores dispostas em panículas umbeliformes com 1 a 3 flores pediceladas e invólucro de bractéolas na base, surgindo no ápice dos ramos curtos e laterais. Corola campanulada, branca, pequena, quase tão comprida como larga; as anteras são inclusas. Sépalas ovadas, gibosas na base. Fruto é uma cápsula obovóide ou globosa e sem pêlos.
Habitat: Matos


Habitat

Matos


Tipo Fisionómico

Nanofanerófito


Época Floração

Fevereiro-Agosto


Estatuto de Protecção

Não tem


Sinonímias

Não tem


Distribuição Geral

Região Mediterrânica, Macaronésia, N e E África


Observações

Ocorre matagais, bosques abertos e orlas de sobreirais ou carvalhais. Em vertentes frescas ou algo sombrias, em solos ácidos e de origem siliciosa, raramente em calcários descarbonatados.

Distribuição Geográfica